FÁBIO BLOISE MUNDSTOCK

Fábio Bloise Mundstock, formado em Ciências Econômicas pela UFRGS, MBA em Marketing pela FGV, pós-graduando em Futebol pela UFV/MG. Licença de Treinador pela CBF e pelo Sindicato/RS, e analista de desempenho. Pesquisador da história do Grêmio há mais de 20 anos, redefiniu o primeiro homem de cor a vestir a camisa do Grêmio, Antunes, em 1912. Até então, a história oficial apontava o nome de Tesourinha, em 1954. Foi o propositor do nome de Hélio Dourado para Patrono do Grêmio, encaminhando requerimento ao Conselho Deliberativo. Também foi o autor da proposição do nome do ex-Presidente para a Calçada da Fama tricolor. Junto à Federação Gaúcha de Futebol, encaminhou pedido para que Hélio Dourado desse o nome à Copa FGF de 2012, sendo homenageado em vida.